Arsène Lupin, o ladrão mais ardiloso da sua era. Análise da série da Netflix!

Verdade seja dita, este ano trouxe muita alegria para quem veio de um 2020 agitado como foi o nosso caso. E como não poderia deixar de ser, o lançamento de Lupin foi uma das maiores surpresas do ano, e sejamos realistas, é realmente um sucesso.

A minissérie conta a história de um jovem senegalense residente em França, que vê o seu pai sendo vítima de um crime que lhe é imputado, envolvendo uma pequena conspiração que no fim acaba por impactar a sua vida!

O jovem Assane Diop, conhece o ladrão Arsène Lupin em suas aventuras literárias, e decide viver segundo as aventuras do mesmo, as suas regras sem se importar qie consequências podem aparecer

Assane descobre, já adulto, que o seu pai pode ter sido vítima de um crime imputado pelo patriarca da família Pellegrini, que encenou um roubo como forma de salvar o império e estilo de vida da família, que estava em ruínas.

Sabendo dos eventos que se sucederam, Assane decide vingar a morte de seu pai, e começa uma caçada ardilosa que pode ter consequências bem maiores do que ele poderia imaginar.

A série está disponível na Netflix desde 8 de Janeiro de 2021, e é uma das mais assistidas até ao momento. Já foi anunciada uma segunda temporada que deixa portas abertas para uma infinidade de conflitos, nós continuaremos a nos actualizar sobre o assunto então passe de vez em quando para estar actualizado!

Não esqueça de nos seguir nas redes sociais para estar actualizado sobre qualquer novidade e siga-nos também nas redes sociais, nós ficamos por aqui, valeu!

Deixe a sua opinião sobre o artigo!