Manto e a Adaga, a série negligenciada da Marvel!

Manto e a Adaga, a série negligenciada da Marvel!

Não é só a DC que decidiu investir na reencarnação dos seus personagens nas séries de TV, durante um período da década passada, a Marvel decidiu emprestar os seus personagens a produtoras e emissoras como HULU, Freeform, Netflix, e outras, para que pudessem também conquistar o seu espaço na TV.

Foram os casos de “Characters” como Luke Cage, Jessica Jones, Demolidor, Runaways, Inumanos, entre outros, e hoje vamos falar sobre uma das mais “injustiçadas“, O Manto e a Adaga.

Manto e a Adaga, a série negligenciada da Marvel!

A série conta a história de dois jovens, Tandy Bowen (Olivia Holt) e Tyrone Johnson (Aubrey Joseph), que se encontram em virtude do destino, apesar de Tyrone ter salvo Tandy enquanto crianças, ambos acabam inconscientes e só se voltam a encontrar anos depois, já na adolescência.

Tandy tem uma história um pouco complicada, proveniente de uma família aparentemente estável, a sua vida muda quando o seu pai morre num acidente de carro no qual ela estava presente, e a sua mãe torna-se uma viciada, giradeira (passou a ter muitos relacionamentos) e com pouco tempo para a filha, fazendo com que ela entre para a vida da delinquência muito cedo e acabe por se encontrar num namoro complicado.

Tyrone também não tem uma história feliz, muito cedo viu-se envolvido na morte de seu irmão mais velho que foi morto a tiros por um polícia corrupto, e desde então tenta de todas as formas fazer com que este seja preso pelo crime. Em meio a isso vê a sua relação com os seus pais abalada, uma vez que esses passaram a ser superprotectores com Tyrone, para evitar a perda de outro filho, fazendo com que muito cedo abandonassem as suas origens (num bairro negro nos subúrbios), e se mudassem para uma zona mais privilegiada.

Ambos adquiriram superpoderes depois de um evento de mudança de vida que girou em torno do colapso da Plataforma da Roxxon Gulf (onde trabalhava o pai de Tandy) e eles logo percebem que seus poderes funcionam melhor quando estão juntos, “mas seus sentimentos um pelo outro tornam o mundo já complicado ainda mais desafiador.”

Manto e a Adaga, a série negligenciada da Marvel!
Brigid O’Reilly / Mayhem

A história foi ao longo do tempo inserindo vários personagens importantes para o decorrer da série, ao mesmo tempo que testava a capacidade dos protagonistas. Além disso, a série que se passa em Nova Orleans inclui no seu enredo o Vodum, uma arte que faz parte da história da região e que ditou os acontecimentos da série.

A série, apesar de ser alvo de críticas, é muito interessante e tem uma didática muito inovadora, não só por lidar com temas como artes negras e a sua história, mas também por girar em volta de dois dos personagens mais marginalizados da Marvel. O site recomenda com uma nota de 07/10.

Manto e a Adaga, a série negligenciada da Marvel!

A série foi cancelada na sua 2ª temporada, mas os protagonistas foram repassados para a série Runaways da HULU, podem encontrá-los num crossover de 1 episódio da terceira temporada da mesma.

Então cinetowner, o que achou do artigo? Se quiser saber mais sobre esta série deixa a sua opinião nos comentários e partilhe com os seus amigos, o artigo não está completo mas a vossa interação poderá melhorar a visão sobre isso.

Siga-me também nas redes sociais para estar mais actualizado!

Deixe a sua opinião sobre o artigo!

Actualização da CineTown 🎬

Estamos com canal novo no Youtube, já lá vai o tempo em que para conseguirem saber o que assistir, tinham que vir e ler os meus comentários inusitados, agora também terão que ouvir! Visitem, assistam, inscrevam-se e partilhem com os amigos.